quinta-feira, 19 de abril de 2012

Primeiras impressões # 2

Como você escolhe um livro? Cada leitor escolhe o livro desejado de uma maneira; eu escolho os livros pelo primeiro capítulo e tenho amigas que gostam de ler o último capítulo, mas, diferenças a parte, a primeira impressão pode tanto te enganar como se concretizar.

Para quem ainda não conhece, a categoria "Primeiras impressões" é quinzenal e eu falo das minhas expectativas, ou não, em relação a alguns livros, depois da leitura do primeiro capítulo da obra.

Se tiver interesse em ler o primeiro capítulo, é só clicar nas capas dos livros, já para maiores informações dos livros, é só clicar no nome da editora.



Livro: Nunca diga adeus
 
Autor: Doug Magee

Editora: Arqueiro
 
Sinopse: 

Com apenas 9 anos, Sarah está prestes a viver uma grande aventura: vai viajar sem os pais pela primeira vez na vida. A viagem tinha tudo para ser feliz e inesquecível, mas logo se transforma num terrível pesadelo.
Sem o marido para ajudá-la, Lena, mãe de Sarah, confere e assina os documentos autorizando a ida da filha. David saiu de casa cedo dizendo que recebera uma ligação do trabalho. Mais uma desculpa esfarrapada que ela não engoliu. O casamento está em crise, mas ela acredita que os dois vão conseguir se acertar no período em que a menina estiver fora.

Já pensando nos momentos a sós com o marido, Lena entra em pânico quando uma segunda van chega para buscar Sarah. Pouco depois, ela descobre que o primeiro motorista não faz parte da equipe do acampamento e que sua filha e outras três crianças foram sequestradas.

Após algumas horas, os criminosos enviam um e-mal exigindo 1 milhão de dólares para libertar as vítimas. Mas as condições para a entrega do dinheiro lançam suspeitas sobre alguns dos pais, e os casais começam a se voltar uns contra os outros, expondo seus segredos e relacionamentos já desgastados.

Neste suspense de tirar o fôlego, o desespero e a ganância levam algumas pessoas a tomar decisões impensáveis. Mas a fé e a intuição sempre podem superar as dificuldades.

Primeiras impressões:

A leitura dos primeiros capítulos é de tirar o fôlego; imagine o que é ter um casamento em crise e o sequestro de uma filha? Desesperador, não é? 
Eu já queria ler o livro pela sinopse, a leitura dos primeiros capítulos só me deixou com mais vontade de ler! Esse livro está na lista!

Livro: A Casa das Orquídeas
 
Autor: Doug Magee

Editora: Novo Conceito
 
Sinopse: 

Quando criança, a pianista Júlia Forrester passava seu tempo na estufa da propriedade de Wharton Park, onde flores exóticas cultivadas pelo seu avô nasciam e morriam com as estações.

Agora, recuperando-se de uma tragédia na família, ela busca mais uma vez o conforto de Wharton Park, recém-herdada por Kit Crawford, um homem carismático que também tem uma história triste. No entanto, quando um antigo diário é encontrado durante uma reforma, os dois procuram a avó de Júlia para descobrirem a verdade sobre o romance que destruiu o futuro de Wharton Park...

E, assim, Júlia é levada de volta no tempo, para o mundo de Olívia e Harry Crawford, um jovem casal separado cruelmente pela Segunda Guerra Mundial, cujo frágil casamento estava destinado a afetar a felicidade de muitas gerações, inclusive da de Júlia. 

Primeiras impressões:
Minha primeira impressão é agradável; a história da propriedade de Wharton Park parece ter muito romance e um pouco de mistério, mas não fui fisgada pelo início do livro; eu leria o livro mas não sei se compraria ele.

Livro: Estremecer
 
Autor: Peter Leonard

Editora: Novo Século
 
Sinopse: 

QUEM É A CAÇA, QUEM É O CAÇADOR? O marido de Kate McCall´s é morto em um trágico acidente envolvendo seu filho, Luke. Enquanto Kate se vê às voltas com a culpa que atormenta o adolescente, tem de lidar com a volta de seu primeiro amor: Jack, um ex-presidiário, que reaparece em companhia de alguns antigos “companheiros”. A partir daí, uma rede de eventos aparentemente desconexos acaba envolvendo as personagens desta história em uma trama emocionante e imprevisível. Peter Leonard conduz o enredo deste livro, repleto de reviravoltas, com impressionante maturidade para um estreante, dando voz a personagens que certamente cativarão o leitor. Uma estreia explosiva e de tirar o fôlego no gênero policial!

Primeiras impressões:

Eu sei que é um livro policial, mas devo dizer que o primeiro capítulo é tão lindo!! Você deve estar pensando "Como assim?", e eu explico, é que o primeiro capítulo conta como Kate conheceu seu marido.

Owen pagou a conta e dirigiu até a casa de Kate. Caminhou com ela até a porta, beijou-a no rosto e disse:
- Posso te ligar?
- É bom que ligue, mesmo - respondeu Kate

Aí, depois de ler um capítulo desse, é claro que quero ler o livro!
Quero descobrir mais sobre a morte de Owen (que triste!) e todas as reviravoltas do livro.

E você, qual a sua primeira impressão?

2 comentários:

  1. Eu nem sei direito como é a história de A Casa das Orquídeas, mas a minha primeira impressão é muito boa, to louca p ler ele.

    Bjs
    Amanda
    http://leituraentreamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece uma história bonita mas o primeiro capítulo não me fisgou!
      Me conta se você ler!! =D

      Beijo

      Excluir