sexta-feira, 9 de maio de 2014

Resenha: A Hospedeira

Sabe quando você lê os primeiros capítulos e não tem muita vontade de ler o livro, mas quando você lê descobre um livro sensacional? Foi o que aconteceu comigo nesse livro. Agora tenho vontade de falar pra todo mundo ler "A Hospedeira" pois vale a pena! =)
(Ganhei esse livro da Mari, do Ler é Conhecer, no aniversário do LV no Skoob)

A Hospedeira

Autora: Stephenie Meyer

Editora: Intrínseca

Sinopse:

Nosso planeta foi dominado por um inimigo que não pode ser detectado. Os humanos se tornaram hospedeiros dos invasores: suas mentes são extraídas, enquanto seus corpos permanecem intactos e prosseguem suas vidas aparentemente sem alteração. A maior parte da humanidade sucumbiu a tal processo.

Quando Melanie, um dos humanos “selvagens” que ainda restam, é capturada, ela tem certeza de que será seu fim. Peregrina, a “alma” invasora designada para o corpo de Melanie, foi alertada sobre os desafios de viver dentro de um ser humano: as emoções irresistíveis, o excesso de sensações, a persistência das lembranças e das memórias vívidas. Mas há uma dificuldade que Peregrina não esperava: a antiga ocupante de seu corpo se recusa a desistir da posse de sua mente.

Peregrina investiga os pensamentos de Melanie com o objetivo de descobrir o paradeiro dos remanescentes da resistência humana. Entretanto, Melanie ocupa a mente de sua invasora com visões do homem que ama: Jared, que continua a viver escondido. Incapaz de se separar dos desejos de seu corpo, Peregrina começa a se sentir intensamente atraída por aquele humano, a quem foi submetida por uma espécie de exposição forçada. Quando os acontecimentos fazem de Melanie e Peregrina improváveis aliadas, elas partem em uma busca incerta e perigosa do homem que ambas amam.

Resenha:

Os humanos são responsáveis por guerras, pela fome e por muita dor; Para fazer um mundo melhor, hospedeiros se instalaram nos humanos e continuaram a viver, criando um mundo sem guerra, sem fome e sem dor.

Mas até onde o hospedeiro é o correto? E até quando os humanos vão conseguir fugir e resistir?

A maioria das pessoas vai ler "A Hospedeira" e falar sobre uma história de amor, mas eu realmente acho que o livro é muito mais do que uma história de amor; é um livro sobre confiança, questionamentos, resistência, família e sobre a incrível luta de cada um na defesa do que acreditamos.

Resumindo: O livro é uma história sobre confiança, resistência e amor.
Para ser lido quando se quiser uma história que vai te emocionar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário